Variedades

Produtos bacanas, promocões, eventos e tudo que pode ser uma dica valiosa pro seu dia-a-dia.

Evento: Feira Livre Grafia | Parque Vicentina Aranha | São José dos Campos

Feira Livre Grafia em São José dos Campos

Eu posando com minhas coisas na mesinha cheia de prints, roupas e adesivosMinha produção do primeiro dia foi: “Quero te agredir com tantas cores.”

O que é a Feira Livre Grafia?

É uma feira de arte impressa que surgiu na FLIM – Festa Litero Musical – de 2017. A FLIM é um evento que acontece dentro do Parque Vicentina Aranha em São José dos Campos, cidade onde moro atualmente, e conta com autores, artistas, cantores, escritores e muitos outros profissionais da arte escrita e visual para esta festa linda.

Nesta primeira edição de 2018, a Livre Grafia veio dentro do LabFLIM, um mini evento de dois dias que aconteceu no parque como um aquecimento para a FLIM que vai acontecer em setembro e mais uma vez pude fazer parte como ilustradora.

Pessoal aproveitando a feira no domingo de manhãPessoal passeando pela alameda cheia de artistas lindos!

Como foi?

Desta vez consegui me organizar melhor e levei mais prints e adesivos para a feira. Ficamos sábado (fim da tarde e noite) e domingo (de manhã) pelo parque e como já esperava, o público foi bem menor do que da outra vez, já que foi a primeira vez do evento fora da FLIM.

É a primeira vez que um evento assim acontece por aqui, então as pessoas ainda tem que se acostumar com esse tipo de feira e o propósito dela. Por isso espero que julho a coisa seja melhor. Teve bastante movimento e poucas vendas, mas long de mim reclamar! Já fui em cada feira furada e esta com certeza não é uma, pois o público é bacana demais, muitos jovens vem trocar ideias, pessoas querem saber mais do seu trabalho e isso é impagável.


Look gótica suave de domingo.

Algumas pessoas lindas que estavam lá:

Felipe Sakae | Letras e Lousas | Aurora | Will Yamagushi | Virei Almofada | Peeculiar
| Bossa Velha | Mago Pool

E muitas outras que eu não encontrei o link pra colocar aqui, mas que vocês podem encontrar de novo na próxima edição da feira que acontece em julho! Já fica esperto que em julho quero ver mais gente indo dar um oi e levando print pra casa.

Patches: Comprando em Viagens

Mochila com patches

Depois da minha última viagem em 2014 eu entrei numa de comprar patches pra colocar na minha mochila. Não é muito fácil encontrar essas belezinhas por aqui no Brasil, principalmente temática de lugares, mas nem por isso a gente encontra mais fácil fora. Eu fui querendo comprar um em cada lugar que ia, mas não deu muito certo. Nem na Disney Paris eu consegui achar um bonitinho com princesa pra colocar na mochila – alow Disney, cadê os patches? – mas foi uma questão de procurar um pouco e pude enfeitar a minha mochila.

mochila com patches

Patches de lugares

Em Edimburgo (Escócia) e no Monte Saint Michel (França) eu encontrei alguns com o nome do lugar e preços bem bacaninha – $2/$3 euros – esses foram os mais fáceis, pois em praticamente quase todas as lojinhas de tranqueiras pra turistas tinham eles. A diferença é que nenhum veio com a cola atrás e tive que costurá-los na mochila. Uma mão de obra, mas achei que assim fica mais fácil de tirar e colocar na próxima mochila quando precisar trocar.

patch novo

Patches divertidos

Se tem um lugar que eu apaixonei foi a lojinha de Edimburgo, Pie in the Sky. Eu entrei procurando tintas coloridas pra cabelo e acabei pirando. Eles tinham uma quantidade imensa de patches divertidos, lindos e de todos os tamanhos. Desde temas de cultura pop até livros e ideologias. Os preços eram mais salgadinhos – $6/$12 libras – mas eu escolhi um e foi super fácil de aplicar. Qualidade ótima!

patches
O último que comprei foi na França, em Paris em uma loja que vende coisas militares. Uniformes, botas, boinas, mochilas, tudo que é indumentária de forças armadas e de vários lugares do mundo. Cada parca maravilhosa com bordados que eu namorei lá dentro! Mas o que achei e gostei mesmo foram os patches. Eram vários, com mapas, bandeiras e coisas relacionadas. Eu tive que pegar um pra mim e acabou sendo um que vai me dar forças em caso de apocalipse zumbi.

Vocês também são fãs de patches? Onde vocês grudam?

Onde comprar patches?

Loja militar em Paris – Doursoux Surplus
3 Passage Alexandre – 75015

Loja fofa em Edimburgo – Pie in the Sky
47 Cockburn St, Edinburgh EH1 1BS

App: Moovit – Aplicativo com horário de ônibus

Aplicativo com horário de ônibus, facilitando a vida.

Moovit - Aplicativo com horário de ônibus

O que é o Moovit?

É um aplicativo com horário de ônibus disponível em mais de 1400 cidades ao redor do Brasil e do mundo que te ajuda a saber as linhas de ônibus/metrô, horários e caminhos para fazer. Ele permite que você controle totalmente o percurso, o tempo e a quantidade de trocas de transporte que você precisa fazer para chegar ao seu destino. Resumindo: um Waze pra pedestres.

Ele está disponível em cidades como Belo Horizonte, Campinas, Brasília, Fortaleza, Curitiba e a minha querida São José dos Campos, além de várias outras no Brasil e no mundo, como Paris, Bogotá, Peru, Atenas e Madrid.

Telas do aplicativo Moovit

Como usar o Moovit?

Depois de baixar o aplicativo no seu Android ou iPhone, você só precisa colocar onde você está e onde você quer ir. O aplicativo vai filtrar as melhores rotas pra você fazer, mostrar de onde seu transporte sai e em quanto tempo.

Ele mostra certinho o tempo que o transporte vai demorar pra chegar no ponto, coisa moderna mesmo! Depois de embarcar ele ainda te avisa quantos pontos faltam pra saltar – ou estações – e vai te mostrando o trajeto pra você acompanhar. Quando você está próximo do destino final ele vibra e te avisa pra saltar. Coisa linda e maravilhosa.

Dá pra cadastrar endereços que você mais utiliza, assim fica bem mais fácil de programar no caso de outra viagem, e ele também te mostra o tempo que você vai gastar pra chegar no destino final, essencial pra não perder a hora de encontros importantes.

Celular com tela do Moovit aberta

O QUE ACHEI?
Descobri este app pegando um ônibus aqui na cidade. O adesivo estava logo atrás do cobrador. Cheguei em casa e baixei na hora, foi a salvação da minha lavoura.

Por motivos de noivo viajando e carro da empresa, fiquei a pé por pouco mais de um mês na cidade e entrei em desespero pra descobrir as linhas que eu deveria pegar para chegar nos lugares. Os que estou acostumada, OK, mas peguei um freela alocado num bairro que nunca tinha ido, e ai? Uber é bom, mas todo dia é facada no peito, né?

Esse app lindo me ajudou a andar por aqui de ônibus com toda a classe de trabalhadora que eu mereço! Ele dá os horários CERTINHOS que o ônibus passa no ponto, assim não preciso ficar trinta minutos esperando um que nem sei se vai passar e ainda fala exatamente onde descer. APAIXONEI.

Neste meio tempo fui pra vários outros lugares com ele, aprendi linhas novas e já é meu queridinho, por isso tive que compartilhar dessa tecnologia que eu não conhecia e pelo que comento por aqui, ninguém nunca ouviu falar. Vale muito a pena!

Jump Park – Cama elástica para adultos e crianças

Cama elástica para adultos e crianças em São José dos Campos

Cama elástica para adultos

Como foi?

Eu queria muito brincar nesses parques de cama elástica, tipo MUITO, então o dia que eu descobri que aqui na cidade tinha um lugar pra poder me jogar – literalmente – eu fiquei bem animada. Marquei com o noivo e um amigo nosso de irmos lá e não poderia ter sido mais divertido! Saímos depois de uma hora de pulação esgotados e pingando suor, uma atividade física deliciosa.

Eu pulando na cama elástica para adultos
O que é um pontinho rosa pulando?

O lugar

Tentamos ir em um momento lá no Jump Park, mas estava cheio de crianças, aí ficamos com receio de entrar e acabar machucando alguma e não entramos. A responsável pelo lugar, uma graça ela inclusive, disse que quando tem muita criança, adulto não entra e vice-versa. Pena que não ter um lugar separado, mas depois fomos em um dia de semana mais tranquilo e praticamente ficamos sozinhos por lá virando piruetas de todos os jeitos. O que dá pra fazer pra resolver isso é marcar com um grupo de pessoas, amigos, parentes e reservar o lugar só pra vocês, eles também fazem aniversários por lá.

Para entrar pagamos pagamos meia hora (R$28) e ficamos uma inteira por conta de uma promoção, mas pra entrar você tem que ter a meia antiderrapante e pode ser comprada no local(R$10) se você não tiver. O lugar conta com 200 metros quadrados de cama elástica, uma parte com cestas de basquete, bolas e um outro com espumas pra virar mortais e piruetas no ar.

Para mais informações visite a página do Facebook do Jump Park e visite eles no Shopping Colinas.