Vida Real

Alô, alô, planeta Terra chamando! Este é o diário de bordo da blogueira que vos escreve.

Clipping: Madrugada Vanguarda

madrugada vanguardaClique na imagem para assistir

Começo de junho eu fui chamada mais uma vez para participar do quadro Cabeça de Mulher, quadro do programa Madrugada Vanguarda, um programa da Rede Vanguarda, que é filial da Globo aqui na região.

Desta vez falamos sobre compra de likes e o que é legal e o que não é neste mundo blogueiro tudo com base nas trapalhadas da personagem de Tata Werneck na nova novela “Haja Coração”. Junto comigo estavam Débora Fernandes, blogueira aqui do Vale do Paraíba que fala sobre moda plus size (no site dela tem looks maravilhosos), Jacqueline Lafloufa, especialista em mídias sociais e a host Ana Paula Torquetti.

Estava menos nervosa que da primeira vez, inventei um termo novo em inglês, mas foi super bacana. Obrigada novamente pessoal pelo convite.

Pra assistir é só clicar na primeira imagem do post.

cabeca_mulher_2

A vida é feita de mudanças

mudanca

Depois de quatro anos em São José dos Campos eu e o noivo mudamos de casa. Foi uma semana de leva-e-traz, muita tinta na cara e algumas emoções, mas finalmente estamos no cafofo novo. Enquanto a internet não volta e a vida não se encaixa direitinho, não consegui fazer post direito. Deixo então uma pequena arte e este aviso. Beiju!

Tag: Irmandade das Blogueiras

irmandade

Olha eu aqui pagando dívidas de tags! Eu demoro? Demoro. Mas respondo todas, viu gente? É que se não o blog vira só respostas de tag, né? Bem, a de hoje foi indicada pela Cris lá do Leviosa

O que te levou a criar seu blog e o que te motiva a seguir com ele?
Eu criei o meu primeiro blog, o Chocotone, quando tinha 12/13 anos, naquele tempo os blogs tinham uma pegada meio diário e eu contava coisas que aconteciam comigo na escola e na minha adolescência. Sempre gostei de escrever, mas nunca decidi fazer letras ou jornalismo, segui a área das artes e o blog foi o que me restou pra escrever. Gosto de compartilhar com as pessoas, lugares, passeios, comidas, ideias e dicas para que elas experimentem o mesmo que eu, isso me mantem aqui firme até hoje.

O que você acha de amizades formadas na blogosfera? Acha que podem durar ou que não são iguais a amizades “reais” (pessoalmente)?
Eu conheci pessoas maravilhosas que são responsáveis por um crescimento pessoal meu, pra mim algo importante. Como disse em um texto aqui no blog, nem os amigos da “vida real” são pra sempre, porque os de internet seriam? Temos que aproveitar o momento que nos é dado de estar próximo desta pessoa e sermos felizes.

Qual o maior sonho que você tem como blogueira?
Se eu pudesse ter um desejo realizado, seria o de alcançar mais pessoas. Saber que toco a vida das pessoas que passam pelo meu cantinho, que elas gostam do meu trabalho, e ainda viver disso seria divino.

Se pudesse mudar algo em sua vida, o que seria?
Eu mudaria em mim esse meu medo de mudanças. Mudar é bom e eu gosto, mas quando muita coisa muda ao mesmo tempo minha cabeça dá umas piruetas e eu fico mal. Se não fosse isso, eu acho que seria mais atirada no mundo e já teria buscado mais experiências fora do país.

Já sonhou muito com algo e desistiu? O que foi?
Ainda não desisti de nenhum sonho. Estão todos aqui e vira e mexe requento eles no micro-ondas.

Nos dias de hoje, para você, o que significa amor?
Se for por uma pessoa, é confiar e ser leal. Entender os defeitos, respeitar as ideias e depois de tudo ainda ficar sem ar quando olha pra ela.

Qual foi a coisa mais bonita que alguém já fez por você?
Eu lembro de um dia, era meu aniversário, e eu fui pra república na hora do almoço para comer e minhas amigas fizeram um almoço pra mim. Guardo isso até hoje. Depois foi o pedido de noivado que tive em Sacre-Coeur, o noivo carregou o anel por dias até ter o momento certo.

Se você pudesse ser presidente do país por um dia, o que faria?
Na atual situação acho que se eu fosse presidente não faria nada porque lá só tem enrosco no momento, hahahaha. Mas se pudesse fazer, gostaria de mudar leis e dificultar a roubalheira, dar ênfase em educação e saúde das pessoas e tomar medidas que sejam boas para o planeta como um todo, principalmente na área do meio ambiente.

Em qual lugar gostaria de passar um tempo e por qual motivo?
Londres ou alguma cidade bacana da Europa. Assim poderia aprimorar ainda mais meu inglês e quem sabe conhecer mais países e lugares lindos por toda Europa. Além de estudar mais sobre assuntos que adoro.

Gostaram? Este aqui deixo em aberto pra quem quiser responder e marcar o bloguinho.

Texto: Carta aos meus amigos que ficaram

aos meus amigos

Não sei bem quando foi que isso aconteceu, se foi quando mudei de escola, quando separaram as classes ou quando mudei de cidade, mas ao longo do meu caminho muitas amizades foram ficando para trás. Não que elas fossem ruins, longe disso! Em cada época elas foram essenciais para eu me tornar quem eu sou hoje. Acontece que conforme elas foram indo para um lado e eu para o outro, meu coração sempre ficou apertado.

Eu sou dessas que tenta ser presente sempre, mando parabéns, cartas, mensagens longas e que gosta de saber do seu dia, da sua vida. Porém quando a distância acontece, as diferenças crescem e o diálogo começa a se perder, é aí que tudo começa a mudar. Eu não digo que esta mudança é ruim, mudar sempre é bom, mas eu sou apegada aos meus amigos, apesar da ansiedade as vezes me separar deles. Aliás, esta ansiedade é a responsável por eu ficar pensando sempre “onde eu errei”, “porque me separei deles” e o pior “certeza que eles me odeiam”. É aí que minha razão tenta me explicar: não é sua culpa.

Depois de muito refletir eu entendi que chega um momento que você tem que deixá-los ir, você não faz mais parte deles e eles não fazem parte de você. Acontece com todo mundo, é daquelas coisas que vêm quando a gente fica adulto e se transforma, o mundo gira e com ele as pessoas tomam rumos diferentes, como barcos num oceano, cada vez eles se distanciam mais.

Aprenda a dizer até logo, aproveite cada instante com eles, ria junto, ligue, marque um dia de suco de tarde, pois um dia pode ser que eles se transformem e estejam longe de você, mas saiba que apensar da distância, vai ser só vocês se esbarrarem por ai para que todos os momentos bons aparecerem de novo e seu coração se encha de luz novamente, porque quem a gente gosta, sempre continua no nosso coração.