Vida Real

Alô, alô, planeta Terra chamando! Este é o diário de bordo da blogueira que vos escreve.

Wall-e e FÉRIAS!

Esse fim de semana assisti um desenho mais que super mega fofo: “Wall-e”. Incrível como a Pixar, com pouquíssimas falas, cria um desenho tão maravilhoso. Achei também muito crítico!!! Muita coisa lembrei do “Brave New World” (de Aldous Huxley, 1931), como pessoas totalmente “domesticadas”, usando a cor que falam que devem usar, só que no filme elas não são drogadas, e são ENORMES de gordas de tão preguiçosas. Achei muito bom mesmo!

Outra coisa: ESTOU DE FÉRIAS DA FACULDADE! Não aguentava mais ver os professores, as mesmas pessoas e o mesmo lugar todo dia. Só falta ir pra minha cidade, e a felicidade está completa. Com direito a show do Diogo Portugal dia 13!

Designer

Vida de Desenhista Industrial não é mole.

Estamos fazendo um mancebo, vulgo cabideiro, para a aula da Teoria do Objeto e Semiótica, e ele tem que ser temático. Nosso tema: Rubix, aquele quadradinho que quase ninguém consegue colocar os 6 lados da mesma cor. O que são horinhas debaixo de pó de madeira, lixando vergalhão, soldando, entortando, pintando e envernizando? Claro que não sozinha, mas dá trabalho, viu? No dia da madeira passei malzão de alergia, eu esqueci e fiquei lá, lixando e lixando, cheguei em casa e já era, uma bela de uma crise alégica, com direito a inalação e tudo.

Também fazemos enfeites natalinos sustentáveis com caixinha de leite. E essa é minha “Embalagem Toy Art de Papai Noel”, que tal?

DiF 2008


Todo ano a turma do Segundo ano de Desenho Industrial promove um defile de moda com base em um tema dado pelo professor, o DIF, Desenho Industrial Fashion. Este ano o tema será Contrastes. O contraste escolhido pelo meu trio é “Cinema: o Velho e o Novo”, contrastanto não estilos de filmes, mas em como a imagem chega ao público. Escolhemos Charles Chapling, para retratar a época do cinema mudo e preto e branco, e para o cinema atual escolhemos um filme nem tão atual assim, que é “Laranja Mecânica”, pois o filme foi gravado em 71, porém retratando como seria a Inglaterra em 95. A roupa está pronta, a modelo nem tanto, e os preparativos a mil por hora. Aguardem as fotos!

Perdida no mundo

Um dos meus problemas é ser pessimista. Sempre acho que não faço as coisas boas. O pior é que no final sempre me deparo com coisas bem piores.
O outro é uma sede de saber enorme que faz com que eu me perca em tudo. Quero aprender tanta coisa! Aperfeiçoar photoshop, ilustrator, corel, aprender cathia, saber japonês, melhorar meu inglês que está enferrujando, ler livros e mais livros e mais livros sobre tudo que eu for capaz de ler, praticar meus traços, e desenhar melhor, ver meus filmes cult ou não, minhas séries, meus animes. Mas parece que é tanta coisa que não vou ter tempo pra tudo isso, aí… TRAVO. Sou que nem um computador, minha cabeça pensa a mais de 1000 km/h e nisso meu culler falha e minha placa de vídeo faz tudo travar.
Tenho que começar a me organizar, a organizar meus afazeres, pensamentos, idéias e controlar toda essa minha sede. Será que consigo? Faço eu mal por querer ser melhor?