usp_sancaFoto por mim na USP de São Carlos

Tem gente que anseia crescer rápido, tem gente que não. Eu era dessas. Sempre gostei de ser criança, mas hoje vejo como cada fase tem sua beleza. Acontece que o mundo que nos rodeia tem um poder sobre nós, algo que muitas vezes não conseguimos ver e aos poucos vai tomando conta da nossa vida e quando vemos, PUFT.

Tive um “clik” na minha cabeça e percebi que estou fazendo coisas que eu sempre odiei em outras pessoas. Olhei pra mim e falei: “caramba! se fosse com outro você ia se irritar”. Nunca gostei de gente que fala que vai fazer uma coisa e nunca faz e estou fazendo isso. Ando esquecendo de fazer coisas importantes e quando descubro eu fico morrendo de raiva. Como posso esquecer as coisas? Não consigo entregar as tarefas das aulas em dia, quando vejo minha semana já foi e não consegui fazer nada. Está tudo me deixando tão maluca, que minha cabeça está começando a dar sinais de esquecimentos que nunca tive. Pode ser a idade, mas acho que ainda dá tempo de chacoalhar a poeira e concertar essa bagunça.

Você também pode gostar desses

2 Comments on “Clik”

  1. Eu sempre fui a chata da turma. Sabe aquela que não topava as brincadeiras por que me achava “grande demais pra isso?”

    Até hoje é mais ou menos assim. Não topo qualquer coisa. Cresci rápido demais. Sou velha de nascença.

    Agora quanto a esquecer coisas, decidi criar no celular uns lembretes com alarmes. Estava feito você. Deixando tudo pra depois. Penso que é estresse…

    Beijos!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *