Contágio – Rating: ★★☆☆☆ “A rápida disseminação de um vírus letal, de fácil transmissão, é a investigação quase jornalística. Uma norte-americana (Gwyneth Paltrow), que realizou uma rápida viagem para Hong Kong, é aparentemente a paciente número 1. A partir de então, a doença se espalha por diversos países, deixando inúmeros mortos (a taxa de mortalidade chega a quase 30%) e questionamentos nos cientistas, incapazes de identificar a origem do vírus e de desenvolver uma vacina que não apenas cure, mas também devolva a paz para a população mundial.”

Fazia tempos que queria assistir esse filme, o trailer me deixou animada e a ação de guerrilha que fizeram foi muito diferente, então fui lá e assisti. E posso falar a verdade? Esperava mais do filme. Pelo trailer eu achei que veria um novo filme estilo a Trilogia Bourne, mas não. É bom, tem tensão, tem elenco bom, tem situações interessantes, mas… faltou. Faltou um protagonista mais forte talvez, o que não há e acho que é por isso que não cativa tanto.

Para Sempre – Rating: ★★★☆☆ “Acompanhamos o recém-casados Leo (Channing Tatum) e Paige (Rachel McAdams), intensamente apaixonados, que sofrem um acidente de carro bem no instante em que ela decide que quer um filho. Sem o cinto de segurança, Paige é jogada para fora do para-brisa. Ao acordar no hospital, não se lembra de nada de sua vida nos últimos cinco anos, ou seja, os período da qual o atual marido fez parte.”

TPM, chuva e frio pedem um filme como esse. Baseado em uma história real e no livro de Nicholas Sparks, o filme não tinha como ser ruim. Tem romance, tem carinho, tem situações fofas e teve lágrimas. Por incrível que pareça, chorei no começo do filme e não no final. Uma história gostosa e que leva sempre a pensar e sentir muito junto com os protagonistas. Filme de mulherzinha, claro, mas nem por isso não é gostoso de assistir debaixo das cobertas comendo brigadeiro.

Sinopses de Cinema com Rapadura.

Você também pode gostar desses

3 Comments on Contágio + Para Sempre

  1. Contágio é filme que realmente não empolga, mas ele é um filme que passa muita verdade. Se uma epidemia como esta ocorresse no mundo acredito que seria daquela forma mesmo que as coisas aconteceriam. O problema é que no cinema nem sempre estamos afim de assistir “realidade” hehehe. Os melhores atores, comentando a respeito do que você disse da falta de um protagonista mais forte, morrem, e isso é triste.

    Para Sempre não achei um filme ruim, mas bom também não. Daria 2 estrelas. Talvez pelo fato deu ser homem hehehe

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *