Então vamos a mais um relato desta vida de “desamigdalada”. Ontem eu consegui algum pequeno progresso na área alimentícia e já comi caldo de feijão com purê de batatas, como é bom sentir gosto das coisas! E consegui beber suco! Tentei me arriscar em um miojinho bem picado de noite, mas isso só me ocasionou dores noturnas.

A dor ontem realmente me incomodou, dormi logo pra fazer a maldita passar, mas ainda repito, nada que seja de outro mundo. Hoje é o terceiro dia e dizem que depois disso é que a melhora vem então estou esperançosa. Ontem olhei no espelho e a garganta fica horrívelmente feiosa! Nem eu consigo ficar olhando muito tempo de tão nojenta!

Não falo direito, mas já solto sons, hehehe. Meu irmão e minha mãe são as duas únicas pessoas que conseguem entender minha linguagem “Fanha-Jamanta-Não-Morreu”. Não dá pra falar ao telefone ainda, mas logo isso volta, o chato mesmo é não poder falar com o namorado que está longe.

Coisas ruins de se fazer quando retiraram suas amígdalas: engasgar (nossa achei que ia morrer!) e arrotar. Faça uma dieta de líquidos e caldos e veja o que ocorre. É nojento, mas é triste, porque realmente é dolorido. Coisas que fazem rir no meio da desgraça, hahaha.

Até amanhã em mais um diário de uma sem amígdalas!

Você também pode gostar desses

1 Comment on Cirurgia de Amígdalas – Dia 3 – Alimentação e Arrotos

  1. Oi, li o seu depoimento, estou no 3 dia, estou super enjoada de sorvete, então minha mãe fez uma batida com suplemento desses de academia do meu irmão, pq já estou muito fraca…até comi um purê bmmm molinho, o gosto salgadinho é bom demais!haha o pior foi depois quando tentava escovar os dentes q meio me afoguei e tossi um pouco, fio horrível, achei q tinha rasgado tudo, o pior é q nem abro aboca pra falar e só um pouquinho pra comer, nem pensar em olhar no espelho, ta tudo inchado…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *