Final de semana quando tenho aula da Pós é sempre um tumulto, mas estamos aqui, com indicação em dobro para os visitantes do Chocottone, e para Chelli que é fã de Marvel. Vamos comentar sobre aventura em dobro Hulk vs. Wolverine/Thor (Hulk vs.).


Hulk vs. Wolverine


Lançado em 2009, os média-metragens lançados diretamente em vídeo, são a 6ª co-produção da Marvel e Lionsgate. Primeiramente, vamos comentar sobre “Hulk vs. Wolverine”. Nessa aventura, acompanhamos a tragetória de Logan, que fôra chamado para resolver um incidente de uma criatura que alcançou o Canadá, e pretendem dete-lo antes que alcance alguma outra cidade. Assim, começa uma caçada ao gigante esmeralda.




Wolverine parece não ter muitas chances contra o grandalhão, levando uma bela de uma surra, mas ainda bem que existe o fator de cura, não é verdade? No entanto, apesar disso, nem mesmo Logan é capaz de aguentar alguns dardos tranquilizantes, lançados pelo seu caro “amigo”, Deadpool.



A narrativa tem um foco maior no próprio Wolverine, e o confronto com seus antigos comparças, por assim dizer: Lady Lethal, Dente de Sabres, Omega Red e Deadpool. Sendo um confronto até bacana, principalmente quando ela perfura os dois. Após isso, Logan salva Bruce Banner, e tentam sair da instalação do Projeto Arma X.




Mas com a ignóbil esperança de que Hulk fosse ajudar na fuga, logo, acontecendo exatamente o esperado, ou seja, TODOS levando uma grande surra do grandalhão.


Hulk vs. Thor


No confronto em que acontece em Asgard – que possuí um belo cenário na cena de abertura – ficamos sabendo sobre a força vital do lugar, e uma vez a cada inverno, o deus Odin deve descansar para repor suas forças. E ao longo de 7 dias, com o reino vulnerável, Gigantes de Gelo, trolls, e outros seres atacam com todas suas forças.





Porém, dessa vez, Loki cansado de perder para seu meio-irmão, resolve usar o Hulk para devastar com o deus do Trovão. Com ajuda de Amora, ela separa Bruce Banner da criatura, e assim o deus da Mentira consegue controla-lo e atacar Asgard, mas acaba perdendo o controle do gigante esmeralda, e esse fora de controle acaba quase sumcumbindo a vida de Thor. O que vemos na sequência, é Hulk dando uma sova nos gigantes de gelo, enfrentando soldados, valquírias, quebrando tudo que encontra pela frente e rosnando muito.






A sequência em Hel, quando encontram Hela, achei bem bacana, visto que não conhecia a personagem que é filha de Loki, mostrando ser bem víl e ardilosa. E a luta de Hulk contra as almas penadas é quase angustiante, por assim dizer, por falta de palavra melhor, haha.




Bom, comentários gerais… No primeiro filme, sempre que existe algum episódio falando de Wolverine assistimos sua origem de quando o adamantium foi implantado em seu corpo. Seja no desenho dos X-Men, X-Men: Evolution, no filme Wolverine: Origins, e por aí vai… Até compreendo que aconteça isso por ser voltado a um público novo que – ainda – não conhece a história, mas que seja… Acho que pode ser considerado o único entretanto, na trama, pelo menos para mim.


A principal diferença entre esses lançamentos paralelos, em modo de curta/longa-metragens, para as séries de animação, é com certeza o público. Visto que nesse temos uma dose de violência, um pouco mais pesada, que os canais não exibiriam para um público “livre”, como são em sua maioria. Tanto que uma das coisas que pensei quando comecei a assistir foi “como o Wolverine que possuí garras de adamantium irá enfrentar o Hulk sem corta-lo?” E nos primeiros minutos minha dúvida foi respondida, onde explicitamente, não só nesses confrontos, como nos diversos do filme há cortes, sangue, e até membros sendo decepados para fora do corpo.


Já no segundo, essa prepotência dos vilões é algo que poderiam gerar roteiros um pouco mais elaborados. Convenhamos, é óbvio que Hulk ia sair do controle de Loki. Me lembra muito o Apocalypse que também, se julga tão superior, mas vive perdendo pro Cable e os X-Men. Em contra partida, não gosto muito de citar spoilers, mas a cena final no filme do Thor, é sensacional, bastante breve, mas para quem acompanhava o seriado antigo do Hulk, irá curtir bastante.



Enfim, para quem se interessar, vale para conferir esse confronto entre os personagens, e pelo menos pra mim foi bacana ver algo animado com o Deadpool, que além do game Marvel vs Capcom 3, não lembro de outra aparição dele nesse meio audiovisual. E também convém comentar sobre a série animada dos “Vingadores – Os Super Heróis Mais Poderosos da Terra”, que teve exibição no Cartoon Network, e agora aos sábados de manhã na Globo.


Por hora é isso pessoal.
Ateh! o/

Você também pode gostar desses

1 Comment on Hulk vs. (2009)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *