fatias_hungaras_0
Prontas pra comer!
Já faz algum tempo que sempre no meu aniversário minha avó faz pra mim fatias húngaras ao invés de um bolo. Acho que tudo começou porque ela vinha com minha mãe de Minas pro Vale do Paraíba pra cantar um parabéns pra mim e trazer um bolo não é tão prático, então assim fez-se o hábito. Acontece que este ano eu finalmente fiz o que queria ter feita há tempos: fiz junto com minha avó a receita e aprendi tudinho que precisamos fazer pra ter essas rosquinhas cheias de coco e amor em casa pra comer. Então vem junto e aprenda a fazer essas delícias.

Ingredientes
8 xícaras de chá de farinha de trigo
5 gemas
3 colheres de sopa de açúcar
1 colher de chá de sal
2 xícaras de chá de leite
20g de Fermento Fleshmann (pra pão)

Recheio:
100g de manteiga (1 tablete inteiro ou 4 colheres de sopa)
200g de açúcar
200 gr. de coco ralado

Calda:
1 copo e meio de leite
3 xícaras de chá de açúcar

Deixe morna uma das xícaras de leite, dissolva o fermento e reserve. Misture em uma bacia/vasilha grande a farinha, açúcar e o sal, depois coloque as gemas, a xícara de leite e o fermento dissolvido. Misture tudo bem e sove bem a massa. Caso ache que ela está muito seca, pode colocar mais um pouquinho de leite. Ela fica bem firme. Deixe descansar por 15 minutos.

Enquanto isso prepare o recheio. Misture a manteiga, o coco e o açúcar e leve ao fogo em uma panela por 2 minutos, apenas pra amolecer tudo. Não deixe muito tempo pois o açúcar começa a caramelizar e não é isso que queremos aqui.

Voltando pra massa, divida-a em 4 partes iguais e abra elas com o rolo até ficarem com uma espessura de mais ou menos 5 mm / 1 cm, ou seja, nada muito grosso ou muito fino. Coloque o recheio no meio espalhando por toda a massa e enrole ela como um rocambole, fechando bem as pontinhas para não vazar o recheio. Depois de enrolar, corte fatias de 2 dedos de grossura e coloque em uma forma para deixar crescer. Faça um rolo por vez para ficar mais fácil.

fatias_hungaras_1
Fatias já cortadas e crescendo.
DICA: Pra saber se a massa já está boa, deixe uma bolinha da massa dentro de um copo com água, assim que a bolinha subir está bom.

Depois de crescer, é mandar pro forno! Demora mais ou menos uns 20 minutos pra assar, mas é só observar se elas estão ficando douradas. Assim que elas dourarem, tire-as do forno e jogue a calda com uma concha por cima delas para que voltem ao forno mais um pouco. Não deixe muito para não secarem. Aí é só tirar do forno e ser feliz!

Rendimento: Mais ou menos umas 40/50 fatias

Dá um trabalho razoável, mas fica delicioso no final! Foi um dia gostoso ajudando a minha avó e tenho certeza que vocês vão amar a receita se fizerem. E ai? O que acharam?

Você também pode gostar desses

18 Comments on Receita – Fatias Húngaras

  1. AI MDS Q DELICIA!Eh o meu doce favorito com certeza: pão doce e Coco… Ganha de qualquer chocolate ou brigadeiro! Nunca pensei em fazer caseiro e deve ficar imã delícia. Quem sabe um desses fds mais tranquilos eu tbm não tente :)um beijo

  2. Menina, isso parece ser bom! Lembra os Cinamon Rolls <3 Que amo de paixão!!!

    Será que mudando o recheio consigo utilizar pra isso?

  3. MEUDEUS, que delícia ! *-*
    Ja querooo !
    Ta favoritado esse poooost ! kkkkkk
    Tambem me lembrei dos Cinamon Rolls ! E sempre procurei receita pra fazer, mas sempre levava manteiga e leite de uma forma que se trocasse nao ia ficar legal *intolerante a lactose*, mas nessa receita acho que da pra substituir ! *-*

    =*

  4. Posso substitui o coco ralado por canela? Eu tenho muita vontade de comer isso, mas não posso com coco ralado :/ Tenho certo trauma hahahaha
    Beijos! =**

  5. Chell tem muito tempo que eu não cozinho nada, ainda mais uma receita nova, mas essa esta na lista de próxima receita de domingo que eu vou fazer, e ai publico uma foto do resultado 😀

  6. Tô salivando aqui, Miche!
    Outro dia o Henrique tava falando que sentia saudade de um pão com coco que a avó dele fazia e ele não sabia o nome. Mostrei pra ele seu post e era exatamente isso! :9

2Pingbacks & Trackbacks on Receita – Fatias Húngaras

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *