Mangá

Mangá: Pretty Guardian Sailor Moon

sailor_moon_4
Capas lindas!

Usagi é uma ginasial de 14 anos. Como muitas meninas de sua idade, é desastrada, distraída e um tanto preguiçosa. Em um encontro, aparentemente ao acaso, a jovem acaba conhecendo uma gatinha falante e, através dela, descobre ser dona de incríveis poderes. Por conta disso, acaba recebendo uma grande missão!

sailor_moon_2
Oi gente! Eu sou a Sailor Moon!

Eu já havia comentado aqui sobre a série de mangás da Sailor Moon que a JBC estava lançando no Brasil. Depois de vinte e poucos anos o mangá finalmente veio para nossas terras tupiniquins e pudemos ler toda a história, então vim aqui contar pra vocês o que achei deste mangá.

sailor_moon_1
Contra capa do mangá.

Eu já havia visto todo o anime, mesmo depois de crescidinha eu consegui todos os 200 episódios e pude rever todos os arcos (R, S, Super S e Stars). O Mangá abrange todos eles e conta de uma maneira mais rápida que o anime toda a luta da nossa querida guerreira da lua. A amizade, a determinação e o romance estão ali em cada personagem e fiquei apaixonada pelos traços de Naoko Takeuchi. Este mangá é do estilo shoujo, ou seja, feito para o público feminino entre 10 e 18 anos, então não é uma história muito densa ou complexa de se entender, é basicamente as guerreiras tentando salvar a Terra e as pessoas que nela habitam. Indico pra quem é fã das antigas e tem saudade de se aventurar com a Usagi.

Vale falar aqui que a JBC também lançou dois volumes de Sailor Moon Short Stories, que são 10 histórias que foram publicadas originalmente nas revistas RunRun, Nakayoshi e no Artbook “Materials Collection”, entre 1993 a 1999. O primeiro eu já tenho e o segundo deve sair este mês. Nada melhor pra comemorar o aniversário da Usagi, né?

sailor_moon_3
AH NÃO! ACABOOOUUU!

Sinopse do Skoob.

Ilustração de Quinta – Black Lady

black_lady_3

Quando eu coloco que quero desenhar alguma coisa específica na cabeça, a ideia fica lá até eu conseguir jogar pro papel. Foi o caso dessa Black Lady (personagem do mangá da Sailor Moon). Depois de alguns testes de posição e mais de três horas pra finalizar até o último pontinho branco, olha ela aí prontinha.

black_lady

Ainda estou brigando muito com essa coisa de “achar um estilo”. Leio muito sobre ilustração e busco referências com muitos artistas, mas a coisa é difícil viu? Apesar disso, sigo firme da luta e desenhando sempre.

Materiais utilizados: Aquarela (Windsor & Newton e Lukas), brush pen da Pentel, lápis de cor Prismacolor e caneta gel branca. O papel é um Lukas 180 g pra aquarela.

Interessou? Pode comprar a ilustra pronta ou fala comigo e faz sua encomenda. É só mander e-mail para chell.cottone@gmail.com.

20 (e poucos) anos de Sailor Moon

Sailor Moon é uma série de mangá escrita e ilustrada por Naoko Takeuchi e foi publicada de 92 a 97, ganhando o 17º Prêmio de Mangá da Kodansha, prêmio importante para o gênero. O sucesso foi tanto que logo a história foi adaptada como série de anime pela Toei Animation (com 200 episódios), para musical em 1993 (Sera Myu) e como série live-action em 2003 (Pretty Guardian Sailor Moon).

sailorMonn_stuff
Tinha esses, tão lindos *__*

Desde pequena eu era super-hiper-mega fã do anime, chegava da escola e corria pra TV Manchete ver Serena e suas amigas atrás do Cristal de Prata. Pra completar a maluquisse eu tinha bonequinhas, barbie, canetas mágicas e esmaltes. Boa época que esses brinquedos existiam. Além disso, lançaram o quadrinho baseado no anime, que eu consegui colecionar poucos, pois como morava em uma cidade do interior de Minas logo trataram de sumir com ele, aí qual o poder de percepção de uma criança de 7 anos, sem internet? Coleção falha, mas sempre guardada! Pena que as bonecas não tiveram a mesma sorte e hoje eu só não estou mais triste porque comprei uma Usagi pra mim há uns meses atrás.

sailor_moon_2
Minha linda action figure da Usagi, com carinhas,
cetros e mãozinhas pra brincar.

Mesmo depois de tempos sempre acompanhei o SOS Sailor Moon, que pra mim é um dos melhores sites pra quem gosta da história. Lá eu acompanhei o lançamento do live-action, que consegui assistir com sufoco, afinal, essas coisas orientais são uma complicação pra ter acesso. Deuzabençoe a interwebs! E já com meus 20 anos pude rever minhas heroínas queridas.

Este ano, depois de tanto tempo tentando, de ligações, cartas e macumbas pra Naoko, a JBC finalmente lançou o mangá no Brasil! Não consigo dizer quão feliz estou de poder comprar e acompanhar a trama original de toda história que marcou minha infância. Com tudo isso e mais comemorações de 20 e poucos anos da série de anime, produtinhos estão sendo lançados aos montes, então quem é fã corre que é sua chance.

sailor_moon_1

E este post foi apenas pra eu declarar minha paixão pela Usagi e para falar do mangá, que saiu esse mês pela JBC e está lindo, com nomes originais (sim Serena é Usagi) e todo cor de rosa e cheio de suspiros pra quem comprar.

Sailor Prism Power, MAKE UP!

Imagens: Sailor Moon News | Cinthia Emerick