Ilustrações

Inspirações, mestres e ilustrações autorais. Acompanhe a evolução de uma aprendiz de ilustradora.

Inspiração: Girls Artists Gang

Girls Artist Gang

Inspiração é como banho

Como já disse o professor motivacional Zig Ziglar: “As pessoas costumam dizer que a motivação não dura sempre. Bem, nem o efeito do banho, por isso recomenda-se diariamente”. Então como fazer para se motivar mais quando falamos de desenhos?

Alguns projetos estão aí pela internet pra te ajudar a ter ideias e colocar a mão na massa, colocando temas semanais, ou até mesmo mensais, para que você sente o popô na cadeira e coloque suas ideias pra fora. Um destes grupos é o Girls Artist Gang, um grupo fechado só para mulheres ilustradoras no Facebook com conta no Instagram para seguir.

Desenhos do mês de maio de algumas participantes do projeto
Desenhos do mês de maio de algumas participantes, que foram repostados no Instagram.

Como funciona o Girls Artist Gang?

Você pode entrar pro grupo, ou simplesmente postar seu trabalho com o tema que é sempre anunciado no início de cada mês, com a hashtag do projeto e pronto! Você já está participando. Algumas pessoas são selecionadas e os trabalhos aparecem no Instagram do grupo, o que ajuda um bocado na divulgação do seu trabalho também.

Desenhos do mês de maio de algumas participantes do projeto
Desenhos do mês de maio de algumas participantes, que foram repostados no Instagram.

O tema do mês de maio foi o Mermay, algo como Maio das Sereias que eu expliquei em um post aqui já, e está muito legal acompanhar as ideias de cada uma, tanto pelas repostagens, quanto pela hashtag.

Se você estava procurando um lugar gostoso pra trocar ideias e ainda se inspirar, o GAG é o lugar certo.

Download: Wallpaper de Abril – Corpo e Mente

Papel de Parede – wallpaper – com lettering

Computador com wallpaper do lettering aplicado

Das voltas que a vida dá

Nos primeiros meses deste ano as coisas foram muito intensas e diferentes pra mim. Voltei a trabalhar fora de casa, enfrentei monstros enormes dentro de mim, comecei a me cuidar, não só do corpo, mas também de minha cabeça. Voltei para a terapia firme para conseguir controlar melhor minha ansiedade e meus pavores, e no meio de tudo isso conheci muita gente bacana!

Uma dessas pessoas tem no computador esta frase, uma moça forte, determinada, muito dona de si, e para ela resolvi fazer um lettering novo de presente. Pronto Ana, agora seu computador vai ficar direitinho com sua frase preferida.

Corpo e Mente

Resolvi então disponibilizar pra todo mundo que segue meu bloguinho esta arte, que fiz em lápis de cor. Um lettering bem motivacional e inspirador, pra você colocar no celular, tablet ou computador mesmo. Gostou?

1920 x 1080 | 1600 x 1200 | Celular

Lettering escrito o corpo alcança o que a mente acredita para wallpaper

Creative Commons

Inktober 2017

inktober 2017

O que é o Inktober?

O Inktober já é um evento quase que obrigatório para ilustradores que estão neste mundão de internet. Acho que Jake Park, artista estadunidense que criou este desafio, não imaginava a proporção que a ideia que ele teve iria tomar, hoje rolando nos sketchbooks de artistas pelo mundo todo, desde os mais iniciantes até os artistas mais conhecidos, todo mundo no mesmo barco.

Eu e o Inktober

Comecei participando do Inktober em 2015, com o tema “Girls at The Sea”, que virou um zine fofinho que vendi por aqui, e ano passado fiz o tema kung fu para treinar um pouco mais de tecidos e movimentos. Para ente ano eu quis aproveitar a vibe das minhas férias sabáticas e escolhi o tema Paris. Assim eu poderia treinar cenários e composições.

Comecei o projeto aqui no Brasil mesmo, que foi complicado pois eu teria que desenhar coisas por referências fotográficas, mas depois chegando lá tudo ficou mais fácil e me joguei nos sketches urbanos. Foquei em desenhos feitos rapidamente, sem muita borracha – afinal estava bem frio – assim treinava um pouco mais a velocidade, e por este motivo o inktober foi se transformando ao longo do mês. Ficou meio sem unidade, mas quem disse que tem que haver uma? A ideia era DESENHAR!

Foram trinta e um desenhos bem diferentes, mas que eu fiquei bem feliz em fazer.

Quem acompanhou? Curtiram?

Evento: FLIM – Festa Litero Musical 2017 | São José dos Campos

Festa Litero Musical 2017

Identidade visual da Flim

A Flim

Com o objetivo de se tornar um festival de qualidade no circuito alternativo, falando sobre música, educação, linguagens e artes de maneira geral, a FLIM acontece em São José dos Campos, estado de São Paulo e tem eventos, oficinas, shows e feiras gratuitas para quem quiser aproveitar.

No ano de 2017 o evento contou com mais de 50 atrações em três dias e teve a presença de convidados ilustres como Laerte, Adriana Couto, Chico Cesar e até show da banda As Bahia e a Cozinha Mineira. Além de toda a programação maravilhosa, o festival acontece no Parque Vicentina Aranha, um lugar que está entre os meus favoritos aqui da cidade.

Lousa da Letras e Lousas
Vera brilhando na sinalização improvisada. | Foto por Danilo Ferrara

Feira Livre Grafia

Pela primeira vez a organização do evento resolveu criar uma feira de artes gráficas para acontecer em paralelo com as atrações. Eu logo vi o edital e me inscrevi como ilustradora. Seria lindo mostrar meu trabalho para mais pessoas em um evento e em um lugar tão bacana. Felizmente fui selecionada e pude montar minha barraquinha – chamada carinhosamente de favelinha – para vender originais, prints, adesivos e roupinhas da Alpaka por lá, tudo com meus desenhos.

Vera e as coisas da Letras e Lousas
Minha queridíssima amiga Vera e as coisas lindas que ela faz no Letras e Lousas | Foto por Danilo Ferrara


Eu e minha favelinha. | Foto por Danilo Ferrara


Foto por Danilo Ferrara

Como foi?

Sobre a FLIM em si eu não posso falar muito, mas só ouvi elogios. É que onde eu estava sempre estava lotado de pessoas pra atender e dar atenção, o que foi simplesmente maravilhoso. Uma troca de energias deliciosa que eu nunca tinha experimentado. Tanta gente se encantando com tudo e querendo levar minhas artes que eu fiquei emocionada. Pra mim foi uma das melhores feiras que já participei.

Além disso pude conhecer pessoas muito bacanas que fazem trabalhos especiais como o da Helen do Aleatória é a Mãe, que lançou um livro por lá e já virou uma querida.

Eu e a Vera, minha amiga linda, suamos, endoidamos e mudamos várias vezes de lugar juntas. Foi apoio mútuo e sem ela tudo teria ficado mais difícil. Não daria pra fazer o post sem agradecer toda a ajuda que ela me deu. O trabalho que ela tem feito de quadro negro tem sido maravilhoso e cada dia a coisinha fica melhor! Acompanhem esta maravilhosa!

Eu e Helen
Eu e a Helen


Foto por Danilo Ferrara


Foto por Danilo Ferrara

Apesar de termos sofrido um pouco com a localização da feira, pois estava difícil do pessoal encontrar a gente, a galera do evento deixou a gente sair pro jardim e tudo foi resolvido. Eles foram super prestativos e ajudaram onde precisávamos. Espero que logo surjam novas feiras assim por aqui pra eu poder ir, porque foi sucesso!