Searching for "poços de caldas"

Comer bem em Poços de Caldas – Parte 1

comer_pocos
Se tem uma coisa que eu adoro muito é comer. Experimentar lugares e coisas novas deviam fazer parte da vida de qualquer pessoa, porque assim quebramos a rotina, saímos do mesmo e podemos descobrir texturas e sabores deliciosos, por isso adoro falar de lugares bacanas pra se comer aqui no blog, levando em consideração se eu gostei da comida e trazendo opções de vários preços. Já falei de lugares pra você comer no Rio, Ilha Grande, Paris, São José dos Campos e hoje trago opções lá da minha terra natal: Poços de Caldas.

le_france_cafe

Le France Café

Comida: Além de sucos detox, docinhos deliciosos e bolos de te fazer suspirar, o Le France oferece vários tipos de café, pra quem é fã vale a pena pedir. Além das coisas gostosas o lugar é super aconchegante lembrando realmente os cafés da Europa, ou seja, uma formosura só.
Onde fica: Praça Monsenhor Faria de Castro, 09 – Centro | Ao lado da Igreja Matriz
Confira a página do Facebook.

l'italia

L’Itália Buffet

Sobre o lugar: Desde que me entendo por gente eu lembro de comer lanches no L’Itália. Os salgados são super gostosos, mas a atenção aqui serão os doces e os bolos que são de dar água na boca. Nem sei quantos aniversários tiveram o bolo de lá. Vale a pena experimentar os docinhos também.
Onde fica: Av. Francisco Sales, 114 – Centro | (35) 3722-2214
Mais informações no site.

francesco

Cucina Francesco

Sobre o lugar: Lembro de almoçar por lá e sempre ficar confusa de tanta coisa boa. Comidas gostosas com grande variedade. Pode não ser o self-service mais barato da cidade, mas é bem gostoso. Além disso eles tem vários pães deliciosos e agora tem gelateria, esse eu preciso experimentar.
Onde fica: Rua Prefeito Chagas, n°224 – Centro | (35) 3721-7074
Mais informações no site.

e_e

Restaurante E&E

Sobre o lugar: Quer um lugar pra comer coisas orientais self-service? Aqui tudo é bem delicioso! Posso ser suspeita por conhecer os responsáveis pelo restaurante, mas sempre adorei ir almoçar por lá. Muita variedade de comida brasileira e oriental, então dá pra ir almoçar com quem gosta e quem não gosta também.
Onde fica: Rua Rio de Janeiro, 331 – Centro | (35) 3722-9135
Mais informações no site.

birosca

Birosca

Sobre o lugar: Este restaurante não fica beeeem em Poços, mas é pertinho que só! Se você gosta de comida caseira e uma boa feijoada (é o que os que gostam dizem), a indicação fica pro Birosca. O restaurante é bem simples, mas não deixa de ser delicioso! O que me ganhou aqui foi o arroz com feijão que pra mim é um dos melhores que já comi em restaurante, me lembrando muito o gosto do que minha avó paterna faz.
Onde fica: Rodovia Poços de Caldas, Km 2.5, s/n – Capestrinho, Divinolândia – SP | Telefone:(35) 3714-4200

Quem aqui já visitou a terrinha? Alguém de Poços pra opinar por aqui? Onde vocês comem?

Poços de Caldas na Globo

Rodoviária
Rodoviária de Poços de Caldas

Quando fiquei sabendo que estavam gravando uma novela na minha cidade, achei o máximo! É legal ver aquelas cenas em lugares que você está cansado de ver e visitar, ainda pensar que aqueles artistas puderam estar em lugares que eu já estive. Pra quem não sabe, nasci e sempre vou pra Poços de Caldas, uma cidade do Sul de Minas Gerais com seus pacatos 160 mil habitantes. A cidade é conhecida por suas águas termais e natureza sempre presente. Daí que eu pensei que devia mostrar algumas coisas que passaram em cenas na novela e apresentá-las pra vocês.

Relógio Floral

Relógio Floral – Foi inaugurado em 1972 em homenagem ao primeiro centenário da cidade e tem seus números feitos de flores, gramas e pequenas plantas, já seu mecanismo de funcionamento e ponteiros são de metal. No local há também um monumento em homenagem aos Pracinhas, que lembra o esforço dos Poçoscaldenses que participaram da Força Expedicionária Brasileira, durante a Segunda Guerra Mundial. O Relógio se encontra na praça Getúlio Vargas em frente ao Complexo Cultural da Urca.

Thermas Antônio Carlos

Thermas Antônio Carlos

Thermas Antônio Carlos – Inauguradas em 1931, o balneário é considerado o primeiro estabelecimento crenoterápico brasileiro e leva o nome do então governador do estado. O projeto do prédio foi desenvolvido pelo arquiteto Eduardo Pederneiras e é dotado de refinamentos arquitetônicos e técnico-científicos até hoje admirados. As águas que abastecem todo o balneário são originárias da fonte Pedro Botelho, localizada abaixo do fontanário do Leãozinho, próximo às Thermas. As águas afloram da terra a uma temperatura de 45ºC, são bombeadas para um reservatório e de lá abastecem as banheiras.

Praça Pedro Sanches
Parque José Afonso Junqueira – Construído na década de 30, o parque conta com uma fonte luminosa que fazia parte do cenário glamuroso da época. Muito frequentada pelos turistas, era um espetáculo à parte por suas luzes e sua água sincronizada com o som. Ao seu redor sempre havia a apresentação de orquestras, o que fez do cenário parada obrigatória.

Rampa Salto Poços de Caldas

Rampa de salto – Localizada a 1550 metros de altura a rampa de salto fica no topo da Serra de São Domingos. É possível chegar em 50 minutos de caminhada no topo da serra e ainda aproveitar a vista no final da caminhada.

Alto Astral

A comédia romântica terá no elenco principal Cláudia Raia, Thiago Lacerda, Nathalia Dill, Deborha Nascimento, entre outros. ‘Alto Astral’ é obra de Daniel Ortiz e tem direção de núcleo e geral de Jorge Fernando. Agora é aguardar a estréia e ver o que mais teremos de belo pra conferir na telinha. Pra essa novela eu tenho que abrir uma exceção e acompanhar. Confira a chamada:

Quer ver mais belas imagens de Poços? Então é só dar play no vídeo abaixo, é de cair o queixo até pra quem é de lá.

Vídeos da TV local falando das gravações | Site de Poços de Caldas | Guia Poços de Caldas | Guia4Ventos

Meme: 5 coisas para fazer na minha cidade – Poços de Caldas / MG

Atualmente moro no interior de São Paulo, São José dos Campos para ser mais exata. Antes de vir pra cá, morei também em Lorena, mas minha cidade, a MINHA, aquela que nasci, cresci e vivi minha infância e adolescência é Poços de Caldas, uma cidade fofinha do sul de Minas Gerais. Então vim contar pra vocês cinco coisas bem bacanas pra se fazer lá.

1. Subir a serra de São Domingos


Foto de Denis Lopes.
Uma das coisas que as escolas sempre fizeram lá na cidade foi organizar subidas ao Cristo Redentor (o terceiro maior do Brasil, logo depois do Rio de Janeiro). Minha mãe nunca tinha deixado eu subir com medo de que eu passasse mal, pois sempre tive bronquite asmática, mas depois de grande eu realizei meu sonho e finalmente subi a serra! Uma caminhada de 50 minutos, tranquila e com uma vista linda da cidade no final. Além de ver o lado da cidade, você pode continuar e ir até a rampa de salto de paraglider e vislumbrar um cenário lindíssimo, se quiser, aproveite e faça um salto. Se não quiser subir a pé, a serra também tem estrada para carros e o bondinho.

2. Tomar banho nas Thermas


Foto do Ferias Brasil.
Nunca fiz isso, mas se você vai pra lá, tem que fazer. As Thermas Antônio Carlos foram inauguradas em 1931 e são abastecidas pelas águas sulfurosas hidrotermais. Além de ser lindo o lugar, lá você pode tomar banhos relaxantes, ir na sauna, fazer limpeza de pele e massagens. Quem eu conheço que foi, adorou, então fica uma dica diferente pra quem vai pra lá.

3. Passear no Mercado Municipal


Foto do Eu Curto Minas.
Eu adoro conhecer hábitos culturais e culinários de lugares que vou, por isso mercados e feiras são primordiais em minhas listas de visita, principalmente pra quando for pra outros países e estados. Em Minas você pode se deliciar com queijos (nozinho, tirinha, fresco…) e doces (cocada, abóbora, doce de leite, geleias…) tudo do bom e do melhor. Eu, como boa mineira, sempre que vou pra lá preciso ir ao mercado para voltar com geleias, doces e queijos pra comer aqui pras bandas de São Paulo.

4. Andar pelas ruas e praças


Foto do Eu Curto Minas.
Poços tem seus mais de 180 mil habitantes, não é uma cidade muito pequena comparada com outras da região, e tem muito espaço pra andar. Uma das coisas que mais sinto falta por aqui é poder sair na rua pra passear. Sem pagar nada, sem ter que ir a lugar algum, apenas andar e ver coisas legais a céu aberto. Shoppings são legais, mas andar na rua, ver lojas, pessoas e o céu, fazem falta pra mim. Uma amiga foi pra minha cidade e disse que lá é um “shopping a céu aberto” e tenho que concordar, pois muitas lojas que vejo em shoppings aqui, estão nas ruas principais lá da cidade. E o melhor, lá você passeia e pode comer churros e tomar garapa baratinha. As praças e parques são lindos e de graça, só sair andando e apreciando.

5. Festa do Ditinho (São Benedito)


Foto do Via EPTV.
Já falei do mercado, de churros, então vou terminar com mais dica de comida: a Festa de São Benedito. Na primeira quinzena de maio, quando já está meio frio por lá, acontece na cidade uma festa folclórica-religiosa alusiva à integração do negro no Brasil. Ao redor da igreja se instalam barracas de entidades assistenciais e igrejas que vendem coisas deliciosas, como: cocadas, espetinhos de chocolate, doce de leite de vários sabores, maçã-do-amor, coquinho, canudinhos recheados, quebra-queixo, quentão e alguns pratos salgados como o famoso biscoitão recheado com carne desfiada e/ou pernil. Além das comidas deliciosas a festa também conta com apresentações de grupos de congos e caiapós.

Este post é mais um dos temas sugeridos pelo Rotaroots.

%d blogueiros gostam disto: