Resenhas

Vício em cinema, gosto por doramas, paixão por animes e aquela quedinha pelo teatro.

Trilhas do meu MP3: Disney

E mais um post sobre o que toca no meu aparelhinho! Hoje o tema é Disney, porque eu amo ouvir as trilhas dos filmes, e claro que os meus desenhos prediletos não poderiam ficar de fora, né? Acho que o próximo será sobre instrumentais e new age, que acham??

1. Parte do Seu Mundo – Pequena Sereia
2. Cores do Vento – Pocahontas
3. A Whole New World – Aladdin
4. Tale as Old as Time – Bela e a Fera
5. Lá Fora – Corcunda de Notre Dame

6. Spoon Full of Sugar – Mary Poppins
7. Kiss The Girl – Pequena Sereia
8. Junto com Teu Sonho – Atlantis
9. Alguém pra Quem Voltar – Mulan
10. Reflection – Mulan

Video Game: PlayStation 1 e Dreamcast

E vamos para a segunda parte da minha vida de jogatina, onde vou mostrar os vídeo games que eu brincava quando era mais nova. Pra quem se interessar, aí vai o link da parte I.

Bem depois do Super Nintendo, não tive nenhum video game MEU, só jogava na casa dos outros. Um que joguei até cansar foi o Playstation 1 da minha tia. Eu e meu irmão passávamos horas zerando todos os jogos do Crash, a rapozinha laranja que, não é do Firefox. Nosso predileto virou o Crash CTR, de corrida.

Depois tinha o Heart of Darkness. Eitha jogo capcioso! Até hoje não zeramos. Tá que o tempo na frente do Play acabou, então vai ver é isso. E o jogo tinha umas cenas nojentas, como as sombras comendo o menino, eca. Mas a história era que o cachorro do menininho era sequestrado por essas sombras-aliens, e ele tinha que resgatá-lo.

Eu também sempre fui fã de corrida e luta, então vivíamos no Need For Speed (como amo tunar carro!) e no Star Wars de luta, que no momento não me lembro do nome. Importante, o porco não era válido para ninguém jogar, já que a velocidade de ataque dele era muito grande e ninguém que estava com ele perdia.

Então, meu primo ganhou um Dreamcast, e nossos domingos (eu, maninho e primoso) eram de puro Sonic na veia! Tínhamos que escolher um personagem e jogar com ele até o fim do dia pois ele não tinha o tal VMU(Visual Memory Unit) que é praticamente um memory card, ou seja, nada de gravar.

Diário de Uma Paixão + Rebobine, Por Favor

Rating: ★★★★☆Rebobine, Por Favor“Jerry (Jack Black) trabalha num ferro-velho e tem muitas dores de cabeça. Ele acha que isso é por causa da rede elétrica que passa ali. Seu plano para sabotar as instalações dão errado e, para piorar, seu cérebro fica magnetizado. Isso faz com que ele destrua todos os filmes disponíveis na locadora de seu amigo (Mos Def). Para satisfazer a cliente mais leal da loja, uma senhora idosa, Jerry e o amigo contam com a ajuda da população da cidade e recriam as principais cenas e diálogos de filmes como “O Rei Leão”, “Rush Hour”, “Ghostbusters”, “Quando Éramos Reis”, “De Volta para o Futuro”, “Conduzindo Miss Daisy” e “Robocop”, entre muitos outros. A dupla então se torna as maiores estrelas da vizinhaça.”

O que achei – filme de comédia diferente, estava meio receosa de assistir, mas achei muuuuito legal! É incrível ver como eles refazem os filmes como 2001 de um jeito muito trash. Adorei, diferente, simples, trash e legal de se assistir.

Diário de Uma PaixãoRating: ★★★★★ “Jovem operário e garota rica se apaixonam perdidamente. Mas são obrigados a se separar quando começa a Segunda Guerra, para nunca mais se encontraram. Anos mais tarde, apenas um diário relata aquela antiga paixão.”

O que achei – romance daqueles bem melequentos, e como eu adoro!!! Achei a fotografia simples, mas linda. A cena do lago cheio de patos é uma coisa simplesmente linda e “parece um sonho”. A história é muito bonita e emocionante, chorei muito.

Vício : Star Wars Force Unleached


Desde que ganhei meu amado N95 e que consegui instalar jogos N-Gage nele, que me viciei em joguinhos portáteis. O mais novo que baixei foi Star Wars Force Unleached, jogo que é uma continuação de Star Wars e o jogador vira aprendiz de Darth Vader, situado entre o episódio III : A Vingança dos Sith e o episódio IV: Uma Nova Esperança.

Achei o jogo diferente, pois para realizar ações, deve-se “desenhar” o que se deseja no teclado do celular. Por exemplo, apertando as teclas 2,6,8,5 faz-se quase um triângulo e assim utiliza-se a força. É meio estranho no começo, mas logo fui guardando os desenhos para recarregar vida, força, etc.


Os gráficos são interessantíssimos, (pelo menos pra mim, já que estou jogando em um celular com gráficos de Playstation, e isso é novidade pra mim), os cenários são lindos, a história é legal, e pra mim é um jogo excelente!

Gostou? Baixe o jogo aqui. E se você não hackeou ainda seu celular, fiz um post com links que podem ajudar.

Imagens Nokia Sybian Themes