Rock

Meme: Vezes que a vida me fez rockeira

Lembra daquele monte de recorte que você tinha da Avril Lavigne? Aquela banda que você conheceu assistindo One Tree Hill ou The OC? Aquele festival super hardcore (não) que você ia com os migos? Nós e o mundo queremos saber quais foram as principais vezes que a vida te fez rockeira! Oferecimento Rotaroots.

rockeira_1

Com certeza ir aos “Rock in Rios” em 2011 e 2013 foi crucial pra vida me fazer muito rockeira. Camisetas pretas, gente chacoalhando o cabelo e muitos pulos, gritos e até o namorado me levantando pelo ombro (ok, eu sei que não devemos fazer isso, mas foi uma vez e foi bom demais!). Foram shows ótimos, dias muito bons e cheios de muita música boa. Pra quem vai este ano, tem post com dicas aqui no blog.

rockeira_2

Pra me sentir uma rock girl quase que completa, fugir um pouco do carnaval e ir nos eventos de Grito Rock contribuem pra essa vida de gente que veste preto. A primeira vez fui com duas amigas, na época não havia lei de proibição de fumo em lugares fechados e conforme a noite foi entrando a coisa foi ficando feia, mas foi divertido. Deus abençoe que hoje temos essa lei linda, mas que muita gente ignora. Depois dessa ainda fui mais umas duas ou três vezes prestigiar o evento mais réckenrrou do carnaval.

rockeira_3

Pra hoje eu ser uma amante do rock eu tenho que agradecer algumas pessoas. Primeiro a minha colega Beatriz, a primeira pessoa que ficou minha amiga quando mudei de colégio na sexta série e que era uma rock girl completa, com anéis de caveira e roupas pretas. Desculpa por falar mal das suas bandas, hoje eu escuto quase todas e você era um ser mais evoluído que eu naquela época, hoje reconheço, hehehe. Em segundo lugar, meu irmão. Ele me fez ouvir Chop Suey do System of a Down pela primeira vez e eu apaixonei na música que estava em uma montagem de filme do Final Fantasy e que eu ouvi em loop milhões de vezes. Em terceiro vem o noivo, que é rockeiro desde sempre e me apresentou muitas bandas boas, principalmente de rock clássico e coisas mais antigas. Depois disso foi só começar a pesquisar e cair na vida de rock.

Bandas que eu escuto: AC/DC, Led Zeppelin, System of a Down, Slipknot, Avantasia, MUSE, Queen, Rammstein, U2, Aerosmith, Matanza, Paramore, The Runaways, Foo Fighters, Journey, Iron Maiden… e por aí vai. Hoje estamos aí viciadas em rock e é isso que move a gente, né?

Ilustrações: Euzinha.

Trilhas do Meu MP3: Moda de Rock

Moda de Rock

Eu sou uma pessoa muito aberta quando se trata de música (ou seja, já estou excluindo pagode, funk e gêneros que não são considerados música), e depois do Rock In Rio do ano passado eu simplesmente fiquei mais fã de rock, se é que isso é possível, e comecei a curtir mais as músicas de algumas bandas que antes desprezava.

Este final de semana, meu namorado aficionado por rock clássico como Dire Straits, Led Zeppelin, AC/DC e por aí vai, descobriu uma mistura muito diferente e gostosa de se escutar, é o “Moda de Rock”.

Moda de Rock“Em 2007, dois violeiros nascidos em 1973 e membros da banda Matuto Moderno, se juntaram para tocar e adaptar clássicos do rock para viola caipira. A ideia inicial de Ricardo Vignini e Zé Helder era mostrar a potencialidade do instrumento para seus alunos e lembrar-se das diversões da adolescência que tinham essa música como trilha sonora.O lançamento do CD “Moda de Rock & Viola Extrema” em 2011 se tornou um sucesso de mídia, vendas e de shows realizados em diversas regiões do Brasil e nos EUA. Transformando “In the Flesh do Pink Floyd em uma singela valsinha, Aces High do Iron Maiden e Master of Puppets do Metallica ganharam uma levada de pagode de viola. Além destas, o CD conta com faixas de Led Zeppelin, Beatles, Jimi Hendrix, Megadeth, Sepultura, Nirvana, Jethro Tull e Ozzy Osbourne executadas apenas com duas violas de forma instrumental. A faixa Aqualung, Jethro Tull, tem a participação do também violeiro Renato Caetano e Kaiowas, Sepultura, tem o palmeado e sapateado de catira de Edson Fontes dos grupos Os Favoritos da Catira e Matuto Moderno.”

Os músicos misturam simplesmente moda de viola com músicas de rock, como Metallica por exemplo, e não é que fica bem legal? A mistura ficou bem diferente e vale a pena conferir.

The Runaways

The Runaways foi uma banda de punk rock dos Estados Unidos. Traduzindo ao português, seu nome significa “As fugitivas”. A banda tornou-se famosa por ser uma banda composta somente por mulheres que tocavam rock and roll, mostrando que não só os homens conseguem fazer rock de qualidade. Entre suas canções mais conhecidas estão “Cherry Bomb”, “Queens of Noise” e “Born to be Bad”. Em sua curta carreira (que durou até 1979), o grupo não ficou apenas nos Estados Unidos, mas fez turnê na Europa e também no Japão. Wikipédia

Incrível, a roupa da Dakota é I-DÊN-TI-CA

Um empresário chamado Kim Fowley tem a idéia de criar uma banda apenas de garotas, e em e 1975 estava formado o grupo de três garotas chamado “The Runaways”, composto por Sandy West, Joan Jett e Micki Steele, com Kari Krome como compositora.

Após alguns shows pela Califórnia a banda começou a crescer e entram para a banda Lita Ford, uma garota de 16 anos que tocava guitarra solo e a cantora principal Cherie Currie, além disso Jackie Fox entra no ligar de Micki. Em 76 gravaram pela Mercury Records o disco de estréia, intitulado “The Runaways”. Do disco saiu o sucesso “Cherry Bomb”, e a banda saiu em turnê nos EUA, cujos shows costumavam ter ingressos esgotados. Elas também fizeram a abertura de shows de bandas já consagradas como Van Halen.
O segundo álbum, “Queens of Noise”, sai em 1977 começando assim uma turnê mundial. Foram sucesso no Japão e ainda fizeram um álbum ao vivo. Depois disso Vickie Blue assume o lugar de Jackie Fox no baixo.

Cherie Currie deixa a banda e Joan Jett assume o vocal principal. A banda gravou seu terceiro álbum de estúdio “Waiting For The Night” e começou uma turnê mundial com a banda punk The Ramones.

A banda acabou em 1979, por causa de problemas internos e externos. A banda acabou, mas deixou a mensagem principal de que mulheres podem fazer Rock.

“The Runaways”Rating: ★★★★☆ – Ontem assisti o filme de Kristen Stewart e Dakota Fanning, que conta a história dessa banda que eu nem conhecia de nome, apenas de músicas, que foi o que descobri com o passar do filme. Foi bem estranho ver a Dakota usando drogas de todos os tipos, usando lingerie, acho que ainda vejo ela como menina, mas ela é né?
Bem, achei bem legal como aquele grupo de meninas rompe com uma imagem que existia na sociedade, de meninas delicadas, românticas e submissas. Com o passar do filme, é legal ver como a irmã de Cherie, que sempre criticava as atitudes dela, começou a usar maquiagem e cabelo igual ao da irmã.
O filme tem muitas, muitas e muitas cenas das meninas usando drogas, percebemos que naquela época era como se droga ajudasse elas a quebrarem essa barreira de “meninas certinhas e santinhas”, até que vemos onde isso levou algumas delas e felizmente elas largaram este vício terrível, pelo que parece no filme. Indico e eu estou adorando ouvir as músicas desse grupo!

Apresentando: Lu Alone

 
Alguns dias atrás o pessoal da equipe de divulgação da Núcleo Idéias entrou em contato comigo para uma parceria de divulgação de uma nova cantora, a Lu Alone.

Ela tem apenas 17 anos, canta, dança e compõe. Começou a fazer sucesso com vídeos na internet e hoje é responsável pelos shows de abertura de Demi Lovato no Brasil e recentemente do grupo Isa TKM. Além disso tem um reality show no canal de TV por assinatura MultiShow que conta sua vida e como está sendo gravar o primeiro CD.

Achei as músicas dela super gostosas de se ouvir, principalmente por serem em inglês, acho sempre mais sonoro e gostoso, além de achar que combina muito mais com o estilo de música que ela canta que lembra Demi Lovato e outras cantoras teen.

“Girls can Rock” é uma das que mais gostei, mas a música de divulgação dela também é uma delícia. Confira o clipe de “Postcard”:

Acho a voz dela muito legal e em vídeos ao vivo não muda nada. Ela tem talento, mas acho que precisa apenas se soltar um pouco mais, mas sabemos que esse molejo ela vai conseguir com o tempo!

Gostaram da Lu?