Ontem ocorreu aqui no nosso país a primeira chacina dentro de uma escola. Enquanto essas notícias só existiam em países ditos de primeiro mundo, como Estados Unidos, o Brasil começou a fazer parte dessa triste estatística.

Segundo notícias, o rapaz de 23 anos responsável por toda essa tragédia teria problemas psicológicos e já havia até feito tratamento psiquiátrico. Não explica a atrocidade cometida, nem justifica, porque as mães que perderam os filhos nunca mais terão paz nos seus corações e com certeza foi uma perda incomensurável para todas essas mães e famílias.

Pois bem, eu estava no twitter e a KahMih, uma moça que sigo faz teeeempo e adoro segui-la, postou “To chocada com isso q aconteceu no Rio! #fimdostempos … ainda bem q o assassino morreu, mas nao deveria ter sido suicidio, e sim uma morte”. Eu tenho a visão de Galdalf, em Senhor dos Anéis “Muitos que vivem merecem morrer. Alguns que morrem merecem viver. Você pode lhes dar a vida? Então não seja tão ávido para julgar e condenar alguém a morte, pois mesmo os mais sábios não podem ver os dois lados.”. Não desejo a morte de ninguém. O cara matou mais de 10 crianças, mas não desejo a morte dele. Pra mim, morrer é fácil, difícil é a vida (alguém já disse isso). Não tenho filhos, não posso dizer com coração de uma mãe, sempre protetora e sempre presando o melhor para seu filho. Assim como não defendo as atrocidades cometidas por esse rapaz, NUNCA! JAMAIS! Só não desejei a morte dele, ele se matou, ele acabou com sua própria vida e em algumas religiões, isso é a pior das coisas que você poderia fazer e agora ele estará sofrendo aonde quer que ele esteja. Mas isso vai da religião, e cada um com a sua.

Só que aí cheguei à discussão sobre as prisões aqui no Brasil e pensei “realmente ele devia ser morto, porque se fosse preso teria a maior vida mansa”. Sabemos que aqui preso vive de come e bebe de graça (ou melhor, às nossas custas, pessoas que trabalham dignamente e pagam os impostos), com diteito à TV, esportes, saídas pra casa no Natal, Páscoa…(e muitas vezes nessas saídas aprontam, ou nem retornam), e ainda direito de se achar no direito de fazer rebelião pra reclamar que está ruim.

Se o sistema penitenciário do Brasil fosse algo decente, que realmente penalizasse essas pessoas, que estão lá, não pra passarem férias, mas para pagarem por crimes cometidos o país teria um índice de criminalidade bem menor. A Kah comentou das prisões no Japão, que realmente são de aterrorizar qualquer pessoa que lá entre e por isso ela prefere continuar por lá. Por que nós, pessoas honestas, que trabalham, que gostam da vida e são corretas com tudo e todos, devemos andar com medo? Por que temos que ver essas coisas tão horríveis na tv?

Mas 2012 está aí, e tudo logo vai pros ares! Hahaha.

#força pra todas as famílias das vítimas e dos feridos. Bem como pra família do rapaz, que, como disse no twitter, é inocente e agora sente medo por algo que não cometeram.

4 Comments on Realengo e Pensamentos

  1. Oi!
    caramba transformou nossa conversa em post hueheueheeuehu

    bom, acho q ja disse tudo q tinha a falar sobre isso!
    Mas é verdade, se ele fosse preso, pelo menos no Brasil …já sabemos mto bem o q aconteceria q é o que vc citou!
    Quem sabe um dia , as leis não mudem no Brasil e eles se preocupem mais em proteger as pessoas de bem , do q criar regalias para quem não vale o chão q pisa!
    Gostei do post!!
    Bjus

  2. também estou triste e chocada com o houve até agora…
    vamos orar pra que Deus conforte esses pais que perderam seus filhos muito cedo!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *