Há uns dias vi um post no blog da Rê, a Mulher Vitrola, que dizia assim: “5 situações que já passei por causa do meu cabelo”. Na mesma hora pensei: “eu PRE-CI-SO contar essas coisas no Chocottone!”

cabelos_1

Quem me conhece e/ou acompanha o blog, sabe que que meu cabelo é colorido há mais de 10 anos. Comecei pelas pontinhas, mechas e há um ano ele está todinho colorido, e é claro que em todo esse tempo de cores exóticas eu já ouvi muita coisa, desde coisas engraçadas até coisas ofensivas, então vim aqui compartilhar com vocês esses fatos.

Trote
Quando levei o trote da faculdade as pontas do meu cabelo eram descoloridas, mas como andava com ele preso as meninas da república não perceberam. Logo depois do trote, quando cheguei suja e tomei banho, uma delas soltou: “MEU DEUS! Mancharam seu cabelo!”. Saí correndo e ví que eram minhas pontinhas. Nada de anormal.

Virei fada
Uma das primeiras lembranças de coisas que me falaram por conta do cabelo. Estava andando pela rua da cidade onde fazia faculdade e uma professora passava com suas crianças de alguma escola quando uma menininha cutuca a amiga do lado e, arregalando os olhos pra mim, (na ocasião toda descabelada carregando sacolas das compras da semana) disse: “OLHA RAFA! Uma fada!”. Saí rindo e feliz.

cabelos_2

Que ridículo
Apesar de manifestações bacanas, tem as negativas. Na rua vira e mexe alguém passa do meu lado e fala que é horrível, ridículo, horroroso … Engraçado é que sempre são mulheres. Alguém fala pra alguém na rua que a roupa tá feia? Que não tá combinando? Porque tem que falar do meu cabelo? Nunca entendi.

Virei demônio
Chegando no condomínio onde moro, cheia de compras nas mãos, uma vizinha grita da janela: “Que cor horrível! Sua demônia! Demônia! Demônia!” Na ocasião estava com cabelo roxo. Na mesma hora fui ao síndico reclamar disso. Era uma moça nova, moradora de uma república que fica em um dos blocos e sempre arruma problemas. Me xingar na rua já é horrível, mas na minha casa, não aceito.

Dá vontade de lamber!
Na Campus Party uma cosplayer, de League of Legends pediu pra tirar foto comigo e disse que dava vontade de lamber meu cabelo porque parecia doce. Tem foto disso no post da Campus.

“Cuidado, domingo é Páscoa”
A última manifestação. Estava andando voltando pro trabalho e um grupo de pessoas me para aos berros: “Miniiiiina, que laranja liiiindo! Sabe, se eu tivesse uma máquina tirava foto, é a cor que ela mais gosta.” (apontava pra moça do lado) “Que cor de cenoura linda!!” e aí vem a moça do lado e fala: “Cuidado, domingo é Páscoa”. Cenoura-coelho-páscoa. Entendeu? Hãn? Hãn?

cabelos_3

Fora essas que foram mais marcantes, já fui parada por mães que queriam fazer nas filhas, mães que a filha tentou várias vezes e não deu certo, e aí descobriram que tinha que descolorir, meninas super empolgadas nos shoppings e lojas, já vieram pulando falar comigo (é sério!), muitas crianças sempre apontam e ficam malucas e começam a mostrar para os pais (essas acho sempre fofo e são os únicos que percebo quando olham), já ví duas velhinhas olhando pra mim na rua (estava descabelada indo pra academia) e parecia que elas tinham visto a demônia mesmo (hehehe). E sempre me perguntam como faço, é até estranho e chato quando falo que é tinta, parece má vontade, mas muita gente acha que é papel crepom.

Apesar de tudo isso, continuo achando que as pessoas deviam arriscar mais e pintar de colorido, quem sabe assim viro mais uma?

Você também pode gostar desses

18 Comments on Situações que já passei por causa do meu cabelo

  1. Eu amo seu cabelo e sou super suspeita pra falar! Comecei com o verdinho e já estou separando $ pra comprar uma tinta melhor e mais colorida haha! <3
    Você combina com todas as cores e acho isso o máximo!

  2. Adoooooro!!!!

    Sou louca para fazer tudo isso, mas não posso mais por causa do trabalho. Lembro que quando tinha umas mechas coloridas, em 2002/2003, também passava muito por isso, principalmente no bairro onde morava. As pessoas me chamavam de bruxa, louca, tudo porque só andava de preto. Ridículas!!!

    Beijos

    • @Pearl,

      Bruxa e louca nunca me chamaram, mas acho ridículo alguém ter que vim me falar do meu cabelo. Ninguém sai falando de roupas e tals, porque cabelo pode? Nenhum sentido rssss.
      =*

  3. Eu queria ter a sua coragem e paciência pra manter meu cabelo colorido. Desisti até de pintar de preto que sempre gostei por pura preguiça hahaha
    A unica vontade que já tive é de pintar de rosa algodão doce ^^
    vai que um dia ainda faço né?
    Beijos

  4. ja sofri com algo parecido com o que aconteceu com voce, ate mesmo de algumas pessoas da familia.. “se fosse minha filha nao deixaria fazer isso” tenho 14 anos e as pessoas falam mesmo. As vezes é bem chato, mas eu adoro meu cabelo . Ja fiz californianas roxas e agora tenho uma mecha por dentro do cabelo da mesma cor, mas também recebo elogios lá aculá 😉 … Adorei todas as cores em seu cabelo. vc é linda ^^ . Bjos.

    • @letícia Rodrigues,

      Então, minha mãe só deixou eu pintar as pontas do cabelo quando tinha 14 anos rs, disse que se eu pintasse tudo ela me colocava pra fora de casa, tanto que só pintei o cabelo inteiro faz um ano e por morar fora de casa faz tempo rsss.

      Deve ser lindo seu cabelo! Obrigada pela visita =D

  5. Michelli, você tinha mesmo que responder essa TAG!

    NINGUÉM melhor pra isso, haha! Tô impressionada com a reção das pessoas e as coisas que VC presenciou xD o que essas pessoas tem na cabeça? Pelo menos na nossa tem tintas de cores super legais! hahahahhaha

    Um beijo,
    Re

  6. Ótimo post, amei seu blog <3 tbém sou colorida e é complicado kkkk cada coisa que a gente passa, tantos apelidos.. pelo menos a gente tem mt historia pra contar! crianças são fofas ja me chamaram de monster high ariel,fada,princesa.. kkkk pessoas mas tradicionais que são um porre uma vez um pastor começou a gritar cmg na rua dizendo que eu não sou de Deus, pode isso?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *