Ilustração

Pot Pourri | Isadora Zeferino

Conheça o livro Pot Pourri com artes de Isadora Zeferino.

Capa do livro Pot Pourri de Isadora Zeferino
Capa do livro.

“Você poderá ver todas as minhas peças e séries favoritas, combinadas com novas e exclusivas artes e notas que esclarecem não apenas o passo a passo do processo, mas também o que está em minha mente quando tento abordar certos tópicos de forma criativa! E por mais que eu tenha tentado abordar este tópico antes, esta será a primeira vez que eu poderei falar sobre o meu processo de criação de forma tão completa.” Isadora Zeferino

Página do livro Pot Pourri de Isadora Zeferino
Página interna do livro Pot Pourri.

O que achei de Pot Pourri?

Desde quando Isadora lançou o projeto para financiamento coletivo eu estava de olho na publicação. Como boa fã da artista, eu desejava ter este trabalho em mãos com toda a minha vontade, porém só adquiri um exemplar na Comic Con Experience de 2018 em São Paulo, que consegui ir por ter vencido um concurso do evento.

Demorei a sentar e ler o livro pois este é um material que deve ser degustado, apreciado bem devagar. Então me dei conta que ele estava na minha prateleira e que merecia a devida atenção, então peguei ele em uma tarde gostosa e li. Como fiquei feliz em fazer isso desta maneira.

Um dos meus preferidos, as mulheres com obras de artistas famosos.

Além de conhecer melhor sobre Isa (agora tô íntima), pois ela conta sobre as coisas que mais gosta de desenhar no livro, podemos acompanhar o processo criativo dela, sketches e tudo isso com comentários da própria ilustradora.

Aliás, os rabiscos são minha parte preferida. Alí, bem crus eles conseguem já dizer tanta coisa e fazem com que a gente veja o nascimento de uma ideia.

O que mais me encanta em todo trabalho dela, é como as sensações e sentimentos são transmitidos, muitas vezes em formas mais simples. Nada de realismos aqui, e sim muita expressão.

Com certeza uma pequena relíquia, que me inspirou muito voltar a dar atenção para meus desenhos e entender que o importante é o que você transmite com eles.

Sketchbook Mochileiro – Mulheres desenhando pelo Brasil

Mulheres desenhando pelo Brasil

Capa escrita Sketchbook Mochileiro com mapa da América do Sul atrás

O Projeto

A Isabella, uma mulher maravilhosa, focada, dedicada a estudar desenho como ninguém, convidou algumas ilustradoras para fazer pate deste projeto lindo e cheio de diversidade chamado Sketchbook Mochileiro, que consiste em um sketchbook viajando por todo país, passando pela mão de mulheres maravilhosas – e olha que sorte eu no meio! – para ilustrarem sobre o tema mulheres do Brasil.

Leia também: Meu sketchbook no Inktober 2017

O Processo

Queria fazer algo bem delicado, então comecei a pensar pelas thumbnails, que são rascunhos pequenininhos feitos rapidamente para saber se o movimento e a composição do desenho vão ficar bacanas. Ali eu já defino que posição eu quero as pessoas e como elas vão ficar dispostas.

Thumbnail, um rascunho bem tosco do desenho que será de três mulheres de mãos dadas
Thumbnail para começar a ideia

Depois passo para uma folha maior e já faço o desenho como quero que ele fique. Olho em algumas referências, se vejo que preciso, (pode ser foto ou outra ilustração de alguém por exemplo) se precisar resolver algum problema. Esta é a parte de dar a forma do desenho. Depois de pronto, uso uma folha de papel manteiga com grafite para passar tudo para o sketchbook.

Mesa com os rascunhos do desenho, o caderno com o desenho mais bem elaborado e ele já transpassado para o sketchbook

Depois passo para finalização. Neste caso escolhi aquarela – usei Winsor & Newton e Pestilento – lápis grafite e lápis de cor (Faber). Para o pontilhismo usei as Micron Sakura. Aproveitei a oportunidade e usei meus pincéis com reservatório de água que comprei ano passado.

Zoom em detalhes de uma das mulheres desenhadas. Aquarela, lápis de cor e pontilhismo

Desenho do sketchbook finalizado - três mulheres diferentes de mãos dadas em uma dançaDesenho finalizado

No final ficou super delicado e mostrou a parceria e a diversidade que eu queria passar entre mulheres. O que acharam?

Quer seguir? Saber mais?

Siga o Instagram e o Facebook do projeto para ver as artes de todas as participantes. Quem já foi: Kris Efe, Lidy Dutra, Fefe Torquato, Mika Takahashi e Thaly Tamura.

Curso: Fundamentos do Design de Personagens | Stephen Silver | Schoolism

Fundamentos do Design de Personagens com Stephen Silver

Sinopse do curso

Já um artista consolidado na área de animação, Stephen Silver é conhecido pelos seus designs únicos e animações como “Kim Possible”, “Danny Phantom” e muitos outros. Entre os clientes dele estão Disney, Warner Bros, Nickelodeon e Sony Pictures.

Como um designer de personagens, você é reponsável por explorar ideias atravez de personagens. Seu papel como criador será de criar personagens principais e incidentais para animações, filmes, vídeo games, além de criar personagens para suas próprias ideias.

Através deste curso, Stephen vai dividir o processo criativo de desenho que ele utiliza e suas técnicas pessoais para produzir desenhos de personagens de sucesso. Você aprenderá a entender a clareza e a variação de formas, assim como muitos outros princípios e elementos importantes do design.

Em suas palestras, Stephen fornecerá a você uma melhor compreensão do processo de desenho e design, além de fornecer ferramentas para melhorar constantemente suas habilidades. Este curso de 9 palestras aumentará a sua confiança no desenho, ao mesmo tempo que vai te inspirar com novas ideias que o ajudarão a crescer continuamente. Texto de Schoolism.

Primeiras anotações do curso de Stephen Silve do Schoolism

Primeiras anotações do curso de Stephen Silve do Schoolism
Anotações do curso.

O que achei do curso

De cara eu já achei que Stephen falava muito. Depois do curso com Alex Woo, que era bem direto, Stephen começou realmente a me irritar, mas continuei firme, aproveitando os momentos de falação para fazer exercícios.

Não por isso o curso é ruim, Stephen é um grande profissional e ao longo do curso mostra todo o processo criativo que ele utiliza para fazer os personagens dele. Enquanto isso os exercícios de quem faz o curso é a criação de um personagem. Nesta época eu comecei a me afastar um pouco do desenho, estudava diariamente sim – já conto o quê – mas não consegui me pegar aos exercícios que ele passava.

O que eu estudava era o “plano para melhorar seu desenho em 20 semanas” que o próprio Stephen passou. Consistia em estudar o corpo humano parte por parte e treinar caricaturas. Baixei muitas imagens, imprimi e usei todas para treinar tudo isso. Estes estudos me animaram bastante e me mantiveram motivada por bastante tempo. Enquanto isso acompanhava as aulas dele, fazendo estes estudos e aprendendo como ele trabalhava.

Descobri como caricaturar mulheres é complicado – principalmente achar foto de mulheres variadas – e como dá pra utilizar melhor formas na hora de criar personagens mais “cartoonescos”. Além disso me dediquei bem aos fundamentos e depois deste curso eu realmente senti uma grande melhora na qualidade dos meus desenhos. Apesar de ser m dos mais maçantes, ele foi realmente

Vários rostos e mulheres diferentes para treinar formas e expressões
Vários rostos e mulheres diferentes para treinar formas e expressões.

Expressões e rotação de cabeça
Expressões e rotação de cabeça, material do curso.


Rosto mais real, arredondado, triangular e quadrado.

Lições e exercícios

Lição 1 – O que é design de personagens?
Examinar o que é design de personagens e quais as suas responsabilidades como designer em um estúdio de animação. Stephen conta experiências, como começou e mostra influências.

Lição 2 – Pensando, olhando, fazendo.
“Sabendo os fundamentos e tudo mais, você vai subir”. Stephen fala dos fundamentos e responde as questões mais comuns. Fala sobre formas básicas, variação e a importância de boas silhuetas.

Lição 3 – Construção/Caricatura
Nesta aula ele fala da importância da construção. O que significa evitar a “escada” e começa a falar sobre caricatura. Examina assuntos como contraste, ângulos, formas e outros. É nesta aula que ele fala sobre o plano de 20 semanas.

Lição 4 – As características
Princípios e características, como mãos, olhos, narizes, orelhas e bocas.

Lição 5 – Limpando
Aqui ele fala sobre escala e proporção. Além disso ele mostra como limpar uma ilustração.

Lição 6 – Turnarounds
Os temidos turnarounds – reviravoltas – do personagens, que você deve saber se você quer trabalhar com animação.

Lição 7 – Expressões e Atitudes
Expressões e atitudes são o tópico desta aula. Ritmo, equilíbrio e movimento.

Lição 8 – Skecth de memória e como se manter desenhando em um sketchbook diariamente.
A importância de se desenhar em um sketchbook, o que você deve observar e porque isto vai te ajudar a crescer. Também fala sobre a importância do sketch de memória e o que esperar disso.

Lição 9 – O trabalho de arte e fazendo um portfólio de sucesso.
O lado dos negócios da arte, ser profissional, cumprir datas, evitar procrastinação e meios de simplificar a vida. Isto significa estar organizado e focado.

Estudos de olhos
Estudos de olhos.

Estudos de mãos
Estudos de mãos

Estudos de anatomia de gato
Estudos de anatomia de animais.

Onde e como faço este curso?

Expliquei neste post os valores e como funcionam os cursos do Schoolism.
Lembrando que todos são em Inglês.

Inspiração: Girls Artists Gang

Girls Artist Gang

Inspiração é como banho

Como já disse o professor motivacional Zig Ziglar: “As pessoas costumam dizer que a motivação não dura sempre. Bem, nem o efeito do banho, por isso recomenda-se diariamente”. Então como fazer para se motivar mais quando falamos de desenhos?

Alguns projetos estão aí pela internet pra te ajudar a ter ideias e colocar a mão na massa, colocando temas semanais, ou até mesmo mensais, para que você sente o popô na cadeira e coloque suas ideias pra fora. Um destes grupos é o Girls Artist Gang, um grupo fechado só para mulheres ilustradoras no Facebook com conta no Instagram para seguir.

Desenhos do mês de maio de algumas participantes do projeto
Desenhos do mês de maio de algumas participantes, que foram repostados no Instagram.

Como funciona o Girls Artist Gang?

Você pode entrar pro grupo, ou simplesmente postar seu trabalho com o tema que é sempre anunciado no início de cada mês, com a hashtag do projeto e pronto! Você já está participando. Algumas pessoas são selecionadas e os trabalhos aparecem no Instagram do grupo, o que ajuda um bocado na divulgação do seu trabalho também.

Desenhos do mês de maio de algumas participantes do projeto
Desenhos do mês de maio de algumas participantes, que foram repostados no Instagram.

O tema do mês de maio foi o Mermay, algo como Maio das Sereias que eu expliquei em um post aqui já, e está muito legal acompanhar as ideias de cada uma, tanto pelas repostagens, quanto pela hashtag.

Se você estava procurando um lugar gostoso pra trocar ideias e ainda se inspirar, o GAG é o lugar certo.

%d blogueiros gostam disto: