Intocáveis“Philippe (François Cluzet) é um aristocrata rico que, após sofrer um grave acidente, fica tetraplégico. Precisando de um assistente, ele decide contratar Driss (Omar Sy), um jovem problemático que não tem a menor experiência em cuidar de pessoas no seu estado. Aos poucos ele aprende a função, apesar das diversas gafes que comete. Philippe, por sua vez, se afeiçoa cada vez mais a Driss por ele não tratá-lo como um pobre coitado. Aos poucos a amizade entre eles se estabele, com cada um conhecendo melhor o mundo do outro.”

Filme francês que não está injustamente no Oscar deste ano, “Intocáveis” é uma história de vida. Como não devemos julgar as pessoas pelo status social, cor ou credo, e como as vezes arriscar pode ser a melhor saída. Quem sabe aquele pontinho fora da curva não se torna uma maravilhosa experiência.
Baseada em fatos reais a história emociona, ensina e acontece de maneira suave. Ver como Driss cuida de Philippe, acho que é como as pessoas que têm qualquer tipo de deficiência querem ser tratadas: como iguais. Se você quer um filme gostoso pra ver no fim de semana, com chuva, abraçadinho com namodado(a), é altamente recomendável, bem como você que quer um filme bom.

Sinopse do Adoro Cinema

Você também pode gostar desses

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *