Searching for "kung fu"

G.I Joe + Karatê Kid

G.I JoeG.I Joe – A Origem de Cobra – [rating:2:5]“Das montanhas da Ásia Central aos desertos do Egito, passando pelas ruas lotadas de Paris e por baixo da calota polar do Polo Norte, o grupo de elite de agentes conhecido como G.I. Joe embarca em uma aventura sem fim usando as mais modernas tecnologias de espionagem e equipamento militar para evitar que o comerciante de armas Destro e a crescente ameaça da misteriosa organização Cobra levem o mundo ao caos.”

Ok. Eu demorei pra ver esse filme, e deveria ter ficado sem ele. Não sei se é porque os bonecos não fizeram parte de minha infância, ou pelo fato de eu nem ao menos saber que eles eram famosos, mas é um filme que me fez dormir aos 40 minutos e custei a ter coragem para retomar. Achei a história confusa de se entender, demorei pra engrenar no que estava acontecendo, ainda bem que as cenas de ação compensam o resto.

Karatê Kid (2010)Karatê Kid (2010) [rating:5:5] “Refilmagem de Karatê Kid, sucesso estrondoso da década de 1980. Dre Parker (Jaden Smith), um garoto de 12 anos que poderia ser o mais popular de Detroit, mas a carreira de sua mãe acaba os levando para a China. Imediatamente, Dre se apaixona pela sua colega de classe Mei Yin, mas as diferenças culturais tornam essa amizade impossível. Pior ainda, os sentimentos de Dre fazem com que o brigão da sala e prodígio do kung fu Cheng torne-se seu inimigo.
Na terra do Kung Fu, Dre conhece apenas um pouco de karate e Cheng irá mostrar ao “Karate Kid” que seus conhecimentos não valem nada. Sem amigos numa nova cidade, Dre não tem a quem recorrer exceto o zelador do seu prédio Mr. Han (Jackie Chan), que é secretamente um mestre do kung fu. À medida que Han ensina Dre que o kung fu é muito mais que socos e habilidade, mas sim maturidade e calma, Dre percebe que encarar os brigões da turma será a aventura de uma vida.”

Uma graça! Eu tirei da minha mente que este filme seria uma refilmagem do meu AMADO filme de 1984 e consegui enxergar um filme divertido, bem produzido, com o fofo do filho do Will Smith, que em certas horas faz os trejeitos iguaizinhos aos do pai e o meu ídolo Jackie Chan arrazando e dando um show de luta. Muitas cenas lindas em lugares fantásticos, além do cabelo da chinezinha que me encantou. Já sabem meu próximo look, né? Uma graça, amei, não percam!

Biografia, ou não, de Jackie Chan

Resolvi começar uma nova tag de posts aqui no blog, que vai se chamar “Biografia, ou não”. Não é de hoje que todo mundo que visita o site com regularidade sabe que eu adoro cinema, e por isso resolvi falar de celebridades que eu admiro,ou gosto de ver na telona. Hoje o escolhido é meu amado de olhinhos puxados: Jackie Chan!

Chan Kong-Sang(que significa “nascido em Hong Kong”), ou Jackie Chan, como conhecemos, nasceu dia 7 de abril de 1954 pesando 6 kilos, isso mesmo, você não leu errado! A família dele era tão pobre, que pediram dinheiro emprestado para poderem pagar pelo parto.

Ainda jovem, o pai de Jackie, começou a lhe ensinar Kung Fu, pois ele achava que com isso Jackie aprenderia a ter paciência, força e coragem. Mais tarde matriculou-o na Academia Chinesa de Artes Dramáticas, onde Jackie viveria por 10 anos, atuando em peças e participando de grupos. Esta academia treinava artistas para a Ópera de Pequim e lá se ensinava artes marciais, acrobacia, canto e atuação, exceto ler e escrever, por isso quando Jackie se formou aos 17 anos, a Ópera de Pequim já não era mais tão conhecida e todos os estudantes encontravam dificuldades em trabalhar.

Com muitos filmes sendo rodados em Hong Kong, eram necessários jovens fortes para servirem de figurantes, foi quando Jackie começou a fazer participação em filmes e com toda sua criatividade e força ele foi ganhando reconhecimento por não ter medo de fazer as cenas.

Com a indústria de cinema falindo em Hong Kong,  Jackie teve que ir para a Austrália morar com seus pais e trabalhar em contruções e restaurantes,  foi quando recebeu o nome Jackie: um trabalhador não conseguia pronunciar Kong-Sang e começou a chamá-lo assim.  Mas o trabalho nas construções era chato e pesado,  foi quando um telegrama de Willie Chan, que trabalhava na indústria de cinema de Hong Kong mandou um telegrama a Jackie chamando-o para participar de um filme. Assim ele gravou “A Nova Fúria do Dragão” (“New Fist of Fury”) com 21 anos.

O filme que fez Jackie Chan ser conhecido na américa foi “Arrebentando em Nova York” (“Rumble in the Bronx”) lançado em 1994, 33 anos depois do primeiro filme dele.

Seus trabalhos sempre são conhecidos pelo tom de humor e descontração, e ele sempre se recusa a utilizar dublês em suas cenas de ação(o que leva a muitos dedos e tornozelos quebrados).

Casado desde 1982 com Ling Feng Jao, tem um filho, ator e cantor Jaycee Chan.

Jackie Chang também fundou fundou, em 1988 , uma instituição de caridade chamada Jackie Chan Charitable Foundation, que repassa fundos a instituições de caridade e também para  UNICEF.

Site Oficial Jackie Chan

Assistir: As Tartarugas Ninja (2014)

 [rating:3/5] “Afetados por uma substância radioativa, um grupo de tartarugas cresce anormalmente, ganha força e conhecimento. Vivendo nos esgotos de Manhattan, quatro jovens tartarugas, treinadas na arte de kung-fu, Leonardo, Rafael, Michelangelo e Donatello, junto com seu sensei, Mestre Splinter, tem que enfrentar o mal que habita cidade.”

Depois de finais de semana sem ir ao cinema e ficando alheia a todos os lançamentos, finalmente pude ver este filme que está na boca da galera esta semana. Com uma pegada mais para crianças, esta produção da Nickelodeon vem trazer nossos heróis répteis queridos para a tela do cinema, mas agrada aos grandes também. Lembro dos filmes antigos que eu gostava, mas nunca mais assisti e hoje em dia devem estar bem desatualizados, eu gostava bastante deles! O novo tem muitas cenas de ação, pizza,piadas e diverte bastante, faz rir, mas tem lá suas falhas. Algumas coisas me incomodaram, não vou falar aqui pra não estragar, mas tirem suas próprias conclusões ao assistir. Sessão da Tarde está bem servida!

Sinopse do Adoro Cinema.

%d blogueiros gostam disto: